14 EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA QUE NÃO PODEM FALTAR NO SEU CARRO

Ao longo da história automobilística, os padrões de fábrica para equipamentos de segurança do carro foram evoluindo. Ainda bem! Com a demanda cada vez maior e um trânsito que exige cuidado e atenção, é natural que cada projeto passe por um upgrade.

Existem alguns itens que são básicos no Brasil, normas da Contran há anos e anos. Falaremos um pouco sobre eles hoje. Alguns, inclusive, serão muito familiares a você.

Entretanto, queremos chamar atenção mesmo para aquilo que é novo. Regras que, aos poucos, estão chegando ao mercado automotivo brasileiro.

Você, bom motorista, precisa ter acesso a todas essas informações. Sendo assim, vamos a elas.

EQUIPAMENTOS QUE JÁ ERAM OBRIGATÓRIOS

Os equipamentos de segurança do carro mais básicos, são velhos conhecidos da sociedade. Por exemplo, qual é a primeira coisa que costumamos lembrar de fazer ao entrar em um veículo?

SE VOCÊ RESPONDEU “ENGATAR O CINTO DE SEGURANÇA”, GANHOU UMA ESTRELINHA. 

Mas será que você reconhece todos os itens básicos que já acompanham os automóveis há bastante tempo? Ok, vamos com calma. Talvez o seu checklist mental não seja tão eficiente agora. Temos certeza que o conhecimento está todo aí, basta ativá-lo.

Relembre através da nossa lista:

Os 8 equipamentos externos

  • 1 – ESPELHOS RETROVISORES (DIANTEIROS E TRASEIROS);
  • 2 – PARA-CHOQUES (DIANTEIROS E TRASEIROS);
  • 3 – PNEUS EM CONDIÇÕES DE USO (NÃO-CARECAS);
  • 4 – FERRAMENTAS COMO MACACO, CHAVE DE FENDA E CHAVE DE RODA;
  • 5 – RODA SOBRESSALENTE OU ESTEPE DEVIDAMENTE CALIBRADO;
  • 6 – DISPOSITIVO DE SINALIZAÇÃO DE EMERGÊNCIA (TRIÂNGULO);
  • 7 – LIMPADOR DE PARA-BRISA;
  • 8 – LANTERNAS E FARÓIS (FALAREMOS MAIS NO PRÓXIMO TÓPICO).


Os 6 equipamentos internos

  • 1 – CINTO DE SEGURANÇA EM TODOS OS ASSENTOS;
  • 2 – FREIO (ABS) DE SERVIÇO E FREIO DE ESTACIONAMENTO (PÉ E MÃO);
  • 3 – BUZINA;
  • 4 – LAVADOR DE PARA-BRISA (MELHORA A VISIBILIDADE DO CONDUTOR);
  • 5 – PALA INTERNA (PARA BARRAR A INCIDÊNCIA DO SOL NA VISIBILIDADE);
  • 6 – AIRBAGS FRONTAIS.

E O EXTINTOR DE INCÊNDIO?

Bem, ele já foi obrigatório em veículos de passeio. Hoje, é um acessório opcional. Mas fique atento: é possível que, algum dia, o extintor de incêndio faça parte desta lista novamente.

A IMPORTÂNCIA DAS LANTERNAS, LUZES E FARÓIS.

As lanternas, luzes e faróis são a sua comunicação com os demais participantes do trânsito. Seus plenos funcionamentos precisam estar garantidos para evitar desde pequenos acidentes, até grandes tragédias. Desta forma, atente-se à preservação correta e aos sinais de que algo está errado.

Sempre confira se os faróis e luzes de sinalização (laterais, localização traseira e acionamento de freios) não estão queimados. 

5 EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO CARRO QUE SÃO NOVIDADES OBRIGATÓRIAS

As primeiras novidades já vigentes pela legislação, são a obrigatoriedade do cinto de três pontas em todos os bancos e controle de estabilidade em todos os novos projetos. Ao longo de um curto tempo, outras passarão a fazer parte dessa lista de exigências.

São elas:

  • Apoio de cabeça em todos os assentos;
  • Sistema Isofix, para deslocamento mínimo do assento infantil;
  • Luzes diurnas, para tornar o carro mais visível durante o dia.

MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DO CARRO

Não basta preocupar-se com a instalação de todos os equipamentos de segurança do carro que mencionamos neste artigo. É preciso mantê-los em plena atividade. Periodicamente, os carros são sujeitos à fiscalização. Atente-se a isso para evitar maiores prejuízos.


Fonte: HYUNDAI